Marca BALMAIN homenageia seu fundador. Assista:

BALMAIN

Olivier Rousteing


A Balmain comemorou nesta quarta-feira seus 75 anos com um desfile glamoroso em Paris, que homenageou seu fundador e foi prestigiado por celebridades virtualmente.

Olivier Rousteing encontrou uma solução criativa para garantir uma fila A estrelada, mesmo em tempos de pandemia.

Cindy Crawford, Claudia Schiffer, Jennifer Lopez, Anna Wintour, Alessandra Ambrosio e muitos outros nomes apareceram virtualmente no desfile de verão 2021 da Balmain em Paris. Muitas telas posicionadas de frente para a passarela – em uma ideia genial, a turma foi convidada a gravar e enviar seus vídeos, para que pudessem estar conectadx com a Balmain.

A voz de Balmain ressoou, então, para “defender a elegância à francesa”, marca da casa, que, desde o seu início, destacou-se por acentuar as curvas do corpo feminino.

Rousteing reinterpretou na coleção primavera/verão uma das assinaturas icônicas da marca dos anos 1970, que estampou em boa parte das peças, e com a qual desenhou vários total looks e complementos pensados para serem sucessos de vendas. O logotipo, uma referência à paixão de Pierre Balmain (1914-1982) pelos labirintos dos jardins franceses, representa linhas pretas sobre um fundo branco.

– Menos sensual, mais ‘ciclista’ –

A coleção também é menos sensual do que o costume, e não abusou nem das botas altas, nem das minissaias, duas das peças mais desenhadas por Rousteing, nomeado para a direção artística da marca em 2011, aos 25 anos. A peça-chave foi a bermuda ciclista, usada com blazers de ombreiras pontiagudas. O cinza dominou, alternando-se com peças flúor, esportivas e jeans, bem como outras bermudas.

O desfile da Balmain, propriedade do fundo Mayhoola, do Catar, desde 2016, foi fechado por um grupo de “sereias” com vestidos fluidos caminhando descalças. Nas telas, as celebridades virtuais aplaudiam com entusiasmo.

#FashionRunwayVAM #SPRING #SUMMER